domingo, 8 de março de 2009

Herói.

Somos heróis.
Todo mundo precisa de heróis. Nos consideramos heróis. 
Nosso heroísmo passa de geração para geração. Nossos problemas, nossas conquistas. Ressureição, dar a volta por cima, vencer o inimigo. Essas coisas.
Ninguém é vilão, pelo menos ninguém quer ser.
Nós não nos assumimos como pessoas ruins. Há sempre um porém, um motivo. Um não foi minha culpa, ou um mas se não fosse por este motivo, tudo estaria bem.
Pense em você como um vilão.
Pense um pouco mais.
E se no final das contas, fôssemos exatamente tudo aquilo que negamos ser? E se formos filhos da puta? Traidores, oportunistas, interesseiros, invejosos, raivosos, depravados, infelizes, preconceituosos.
Se não fôssemos filhos de Deus? Ninguém olhando por nós. Olho por olho e dente por dente.
E se os hipócritas não forem realmente hipócritas?
A gente sempre erra. Podemos errar a respeito disso. A respeito de nós mesmos.
Imagine você, um maldito confesso. Sem remorso. Apenas sendo quem você é. Um maldito.
É tão ruim assim? Afinal de contas, todo mundo parece tão vazio e distante. Menos nós. Nós somos os mártires, o estandarte da nobreza do espírito. E se nós fossemos os hipócritas?
Quanto tempo isso duraria? E se nós fôssemos desistentes, deprimidos, frustrados, sempre querendo algo que não temos e não precisamos, se nós amamos pouco, se descartamos os outros.
Quem seriam os heróis? Pra onde foi todo mundo?
E se a vida não tivesse sentido algum, apenas existência pura e simples e ao acaso? Ou se o amor não fosse amor e só reações químicas que seu cérebro faz somente pra fazer você espalhar seus genes tão pateticamente como fazem as flores com o pólen? E se o tempo passasse tão rápido que você não vê os dias chegarem, e nós iremos morrer em breve e sem nenhuma vida após isso? Nenhum presente, nenhum céu. Preto. Puf. Você se pergunta.
O que sobraria? Com ou sem sentido, as coisas continuam. Não depende de ninguém.
Um dia você acorda, no outro dia não.
Um dia você tem vontade, no outro dia não.
Um dia, você tenta, no outro desiste.
Um dia você desiste, no outro você ganha um novo herói.
Um dia você tem vontade, no outro você não acorda.
Nunca se sabe.
Preto. Puf.
Quando todo mundo está ficando louco, menos você, quem é o louco?
Quem você escolhe ser, o herói ou o vilão?
Você se pergunta.
Tem dias que não parecem dias. São dias que vem como trégua. 
Você senta e não faz nada. E nada. Num dia você sente vontade, no outro dia você quer.
Tem dias que não dão trégua. 
Tem outros que te fazem bem.
Mesmo se você for o vilão.

19 comentários:

NaNa Caê disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sonhos e um pouco de delirio cotidiano disse...

Ótimo, ótimas linhas, curti.
Verdade crua e direta, sem firula.
No final das contas todos somos uns grandes filhos da puta que se passam por benévolos. Até a nossa bondade é suja e interesseira, é incrivel né.
To te seguindo aqui . . . curti o modo que tu se expressa, escreve com bastante propiedade, aprecio isso.
Abraços.

jpessoa disse...

Esse texto me abriu os olhos. As vezes há o medo de assumir que é o vilão. Quem continuará do seu lado quando você vestir a carapuça?

Marina disse...

MUITO bom, sério Pece. Eu penso exatamente assim.

Carina Rodrigues disse...

Por isso voce cresceu . você não é so mais um. pessoas tentam fazer videos e tal. achando que a quantidade de pessoas que veem as tornam fabulosas. Mais na verdade é a qualidade que as tornam especiais. Voce faz a difereça PC.Parabens.

Carina Rodrigues disse...

Por isso voce cresceu . você não é so mais um. pessoas tentam fazer videos e tal. achando que a quantidade de pessoas que veem as tornam fabulosas. Mais na verdade é a qualidade que as tornam especiais. Voce faz a difereça PC.Parabens.

gabriel_catani disse...

perfeito post .

werbet disse...

Beimm PENSATIVO OQUE TU POSTOU !

Nanny disse...

Muito foda, adoro o jeito como pc escreve. Se ele escrevesse um livro, certamente eu compraria.. :D
AMEI.

Glladius disse...

Arre!!! já dizia o poeta, estou farto de semideuses!! Onde é que a gente no mundo???

Rafael disse...

Existem alguns pensamentos que a gente não consegue por num texto..
Você conseguiu. Parabéns e obrigado por colocar de uma maneira didática e organizada um pensamento de muita (ou pouca) gente (como eu).

LucasArashi disse...

Eu discordo, podemos ser o herói se tivermos esse foco, em vez de dizer que já é o herói, e sim dizer que vai tentar ser.

De qualquer jeito, herói e vilão são apenas dois extremos, as coisas não são tão simples de serem classificadas.

Carine Passos disse...

Hipocrisia! É essa a palavra de ordem dessa geração a qual nós pertencemos. O heroísmo se torna hipocrisia no ponto em que o buscamos tentando não sermos nós mesmos!
Eu estava lendo hoje pela manhã as discussões sobre essa geração colorida, fluorescente, etc... no seu twitter! E de fato não somos rebeldes como as gerações de 80, por exemplo, o que perdura na nossa geração é o fracasso, como disse o Jorge Forbes uma vez: "O fracasso escolar "
Que se camufla de rebelde, enquanto não há nenhuma rebeldia nessas atitudes, há gradualmente uma perda de grandes valores!

vikinhafs disse...

PC vc simplesmente maravilhoso em suas palavras!!! parabéns!! vc me fez me questionar muitas coisas... Te desejo toda a felicidade e sucesso q vc puder ter!!! Beijos!!!

(\/)ä£ü disse...

Independente de quem você escolha ser, sempre haverá porcentagens de vilões e heróis em cada um. Ninguém consegue ser inteiramente uma coisa só. O instinto de acabar com tudo e evitar que tudo seja acabado por alguém é quase tão necessário quanto comer e dormir.

nayara disse...

O fato é que todos nós sabemos disso, mas não admitimos. Não temos a capacidade de admitir. O ser humano é um ser egoísta que só busca as coisas para beneficio próprio. E não adianta dizer que não, porque no fundo todos sabem que é isso mesmo. E no fim, quando por um milésimo de segundo conseguimos admitir para nós mesmos, apenas sorrimos e pensamos “todos são assim” e então continuamos a agir exatamente do mesmo modo. E então pensamos que se não fosse assim, não seriamos nós mesmo. E é ai que fica aquele paradoxo pairando sobre nossas cabeças e como se isso fosse insuportável demais para nossa cabeça aguentar, dizemos: “To com fome, vou comer.” E quem é o herói agora? Onde está o nosso herói? Quis custodiet ipsos custodes?

rafaeljorge070 disse...

Vc da um bom parecer sobre quem é o ser humano,
é mau, porém tenta se passar por bom...
há algumas coisas que acabam tornando o homem hipócrita...

Quando em sua religião é pregado que fazer o bem leva a salvação, ele faz "somente" o bem;
Quando sua religião diz que obedecendo as leis vc será salvo, ele "obedece" as leis.
Se a pessoa não obedece as leis, ele mostra que é um incrédulo diante dos homens, isso estimula ele a se tornar um hipócrita. Mas a própria palavra de Deus diz que não há quem seja de todo bom, não há quem faça o bem durante todo o tempo.

Rm 3:12
Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só.

Se fossemos bons, ou se tivéssemos essa capacidade, Jesus não precisaria ter morrido na cruz...
Reconhecer nossa condição é o primeiro pré-requisito para ser um cristão, porém não é o que vemos hoje em dia.
É uma pena... Penso que se 20% dos cristãos fossem realmente cristãos o mundo seria melhor...

O problema é que as pessoas não buscam a verdade, se acomodam no pensamento de um 'líder', ou recusam a verdade pq ela não cabe dentro de seu estilo de vida...
Mas eu digo, sem medo de errar, Cristo é a verdade, e aceita as pessoas como elas são.

Voltando ao parecer que vc da do que é o ser humano, que eu achei fantástico, quero fazer um comentário:
Conhecendo o ser humano, percebemos que ele necessita de um herói(como diz pcsiqueira), precisa de uma segurança, precisa de algo que conforte sua mente...

Se analisarmos a história, desde o surgimento do homem, até os dias de hoje, chegaremos a seguinte conclusão,
o homem sempre teve uma inclinação a ter uma divindade,pela lógica seria algo que Deus com ctz colocaria no homem, e que se estudarmos as escrituras conseguiríamos perceber isso, pois se Deus existe e criou o homem, Ele só poderia ter nos criado para Ele. Nos criando para Ele, só poderíamos ser felizes junto a Ele. Hoje nosso pensamento sobre a felicidade está relacionado com o dinheiro, isto pq vivemos num país capitalista e incorporamos esse sistema..
As pessoas dão tudo oq tem para a igreja, pq elas são carente de Deus(e tbm por interesse)... nós somos carente de Deus...
A igreja pregou tanto que precisamos ser santos para ser salvos,pregam coisas que são muito difíceis para um ser humano, que acabamos abrindo Mao de Jesus, fazendo todo tipo de males, como o adultério, roubo, matar... (Gálatas 5:21)...
Para aqueles extremamente religiosos eu digo:
-Você não é seu próprio Cristo...
Lembremos se 20% dos cristãos fossem realmente cristãos o mundo seria melhor...

Um Abraço!

rafaeljorge070 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mansur Saab disse...

WELCOME TO FIGHT CLUB!